segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Guia para a concretização pessoal em 2018

Como foi o vosso natal??? E o ano novo???

Vou-vos trazer um assunto totalmente inovador para esta quadra de início de fim de ano - As Resoluções de Ano Novo!!! Uau! Esmerei-me pela criatividade, sem dúvida...

Agora a sério, muito se fala e tenho quase a certeza que a nossa maioria escolheu os mesmos pontos que gostaria de mudar. Infelizmente, os pontos de 2018 serão os mesmos para 2019 e por aí adiante... No entanto, o passo que falta para concretizar as resoluções é por vezes, apenas o modo em que olhamos para elas por exemplo: 

-  Emagrecer. Para já emagrecer é uma coisa muito vasta. Quando queres mudar algo e alcançar um objectivo deves ser o mais objectivo que possível. Quanto mais claros forem os passos a seguir, mais fácil é orientares-te na mudança. Claro que este também é um objectivo para mim em 2018. Que eu vou fazer? Tentar comer melhor, comprar mais fruta, optar por vir mais vezes a pé para casa. Nada de  epopeias como ir para o ginásio. Se decidires isso em 2018 só porque sim, o mais provável de acontecer é ires apenas no mês de Janeiro e depois desistires. 

- Encontrar o homem da minha vida. Podes sair a noite todas as 365 noites de 2018 e mesmo assim seres incapaz de o encontrar. Podes ter um milhão de conexões no Tinder e mesmo assim nada dar certo. O meu conselho: fazeres mais e melhor o que gostas. Qual a relação entre procurar o lazer nos nossos passatempos preferidos e encontrar o homem da tua vida? Encontrarás mais facilmente uma pessoa com que te identifiques num meio que te é confortável que num parque cheio de gatas com o cio. 

- Subir na carreira. Vais subir na carreira apenas porque é uma das tuas resoluções de ano novo ou porque foi um dos teus 12 desejos das passas? Cá está, luta por algo simples e concretizável. O que é preciso para subir? Um curso?- faz o curso. Trabalhar extra- força amigo. Não esperes subir apenas porque sim. Vê qual é o caminho e vai subindo as escadas. 

-Viajar mais. Tinha um amigo meu que dizia que o mais difícil era marcar uma data, dinheiro e afins são apenas um pormenor. E eu acho que ele tem razão. O sonho da tua vida era ir à China? Se não tens companhia, vai sozinho. Se não tens dinheiro, começa a fazer planos e a cortar no dispensável (chocolates, tabaco, cinema, ...). Apenas ganha coragem e vai! 

Acima de tudo, as resoluções concretizáveis consistem por ter uma ideia concreta do que queres mudar agora. Vê um ponto fraco teu e deita as mãos à obra :-)






segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Defeitos e relacionamentos - tu não és assim :-)



Quantas e quantas vezes já te culpaste por não seres perfeita para alguém. Aliás, admite sinceramente quantas vezes te sentiste inútil porque aquela pessoa não te dá o devido valor? Viste e reviste a situação à procura de te culpar por algo que fizeste e não sabes o quê. 
No fundo, a verdade é que não tens que te sentir assim...

Reconhecere-mos que todos nós temos defeitos e qualidades e tu nunca serás perfeita, por mais que tentes. Mas quando a pessoa certa vem, ela não terá prazer em te fazer sentir mal só porque sim. Claro, que numa primeira fase limites terão que ser impostos e que demora o seu tempo até perceber o que um permite ou não. Não é a toa que muitas vezes se diz que os primeiros meses duma relação são os piores e só a partir dos 6 meses é que se entra em velocidade cruzeiro. 


Um dia amadurecerás e verás que não te deves sujeitar a um certo tipo de tratamento com esperança que um dia irás mudar alguém. Essa pessoa, pura e simplesmente, não é para ti. Já ouviste falar em gostar até dos defeitos? Não é achar que a outra pessoa é perfeita, é fazer um balanço e este ser francamente positivo. É olhar para o vosso caminho e ver que faz sentido, tal e qual como a peça perdida do puzzle. 

Portanto, dá-te o teu devido valor e não recebas menos do que aquilo que mereces. Aguarda um pouco mais e aquela pessoa virá. Ela não sentirá necessidade de te rebaixar, muito pelo contrário. Ela não só te aceitará, com te fará sentir bem na tua pele. Será como encontrar uma outra metade e juntos serão um todo que tornará um mundo melhor.




segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Mulheres fortes


Se há coisa que aprecio é ver um bom documentário ou ler uma biografia de alguém com sucesso e influente. Pois a verdade é que existem várias pessoas especiais cujas histórias de vida nos inspiram a fazer mais e melhor. 
Mas, não só. Também aprecio poder observar o quão dedicada é uma pessoa no seu trabalho. Por exemplo, e opiniões à parte, a matriarca do clã Kardashian é uma grande mulher. A Kris conseguiu pegar na sua família de classe média alta e transformar-la num marco da cultura pop actual e tem mérito por isso. Todos os seus 6 filhos são conhecidos mundialmente. Quantas pessoas desejaram fazer tal feito e nunca o conseguiram? 
No entanto, poderei fazer toda uma dissertação sobre as Kardashians num outro dia. Hoje gostaria de me focar na Leah Remini. 

Quem é Leah Remini? É uma famosa actriz Norte America que eu desconhecia, até por acaso ver um episódio da sua série: Scientology and the Aftermath, que aborda o lado negro da cientologia. Para mim é absolutamente fascinante ver alguém lutar contra uma instituição, com o peso que tem a cientologia, apenas por querer revelar a verdade. Basicamente e contextualizando a temática da série, além das vulgares questões monetárias e de poder, a cientologia e os cientologistas enfrentam graves problemas estruturais familiares, ou problemas psiquiátricos e de abuso sexual, por exemplo. 
Assim, contra as reais ameaças Leah dá voz a várias vítimas da cientologia. É realmente inspirador ver a paixão que algumas pessoas dão ao seu trabalho. Poder observar os nobres valores que as movem e que nos inspiram fazem fazer mais e melhor e sem medo de reais represálias. 

Por isso quanto te faltar a inspiração, procura uma boa história de vida. Se achares que não és capaz verás que há alguém que já fez mais e conseguiu :-)

Boa semana!!








sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

A história é cíclica


Olá a todos, 

Aqui estou eu de volta!!! E com mil e uma novas histórias para vos contar :-)

 Durante este interregno, de ano e meio, formei-me como dentista e emigrei. Como podem imaginar cresci imenso e agora tenho novos temas que gostaria de abordar com vocês. Só a emigração dava tema de conversa para mais de um ano... Mas como não gosto de coisas monótonas iremos alternar com outras coisas igualmente interessantes, como recomendações de livros, temas amorosos, viagens, ... Que gostarias de ver abordado? Dá as tuas sugestões nos comentários :-)


Porquê do título: a história é cíclica? A falar a verdade é uma afirmação que eu gosto de utilizar, tanto que é o subtítulo do meu livro. Para mim é, tipo, uma verdade universal!! Ora reparem que por vezes a vida leva-nos para muito longe, mas acaba sempre por nos trazer para um mesmo local? Um estado de alma, algo que já foi uma rotina para nós? 
E é assim que me sinto ao voltar a escrever para o blog. Um voltar a casa depois de ter pensado que não sentiria falta destes momentos. Mas acontece que estava num jantar com umas amigas e uma delas perguntou-se se tinha o blog activo. Eu respondi que não, mas percebi que o "bichinho" ainda estava cá e que precisava de escrever sobre o quotidiano. E aqui estou eu :-)


Neste sentido, o blog continuará com o formato original, com um post novo a cada segunda-feira.



Espero poder continuar a contar com vocês!!



segunda-feira, 18 de abril de 2016

Buçaco - Portugal em 5 fotos

Hoje vou partilhar com vocês uma das mil e uma maravilhas de Portugal: o Buçaco.  Esta mata cheia de história que tanto foi fulcral no combate às terceiras invasões francesas, como é uma referência no turismo religioso com a via sacra. Actualmente, localiza-se no antigo convento um hotel de 5*.

Vou deixar que as imagens falem por si...






Foto do salão onde se podem tomar refeições ou um chá...




Foto do hall de entrada do hotel



Fotografia das flores que se encontram ao pé do Convento de Santa Cruz (Carmelitas)



Outra foto das escadarias do hotel




Pormenor da arquitectura das fachadas

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Resenha -Cartas Imortais


Olá!

Já  há muito tempo que não vos digo nada... Mas com o cansaço acumulado e afins a vontade também é pouca e quando não tenho nada melhor para dizer que o silêncio, prefiro estar "calada".

Vou partilhar com vocês algo que me deixou feliz na última semana. A resenha da blogger Jéssica Pançardes sobre o meu livro "Cartas Imortais": https://hijessicapancardes.wordpress.com/2016/04/10/resenha-cartas-imortais/. Que palavras tão gentis, enchem a alma a qualquer autor!!!

Na vida nem os momentos menos bons são para serem partilhados com os amigos. Os momentos bons também são para partilhar com os melhores amigos :-) e assim termino a mensagem desta semana.

Boa semana para todos!



Se quiseres ler o meu livro poderás comprá-lo pela internet em: